(Foto: Reprodução da Internet)

Renato "garimpa" mercado e Grêmio já tem forte candidato para a camisa 10

​A dura eliminação na semifinal da Libertadores ligou o alerta geral no ​Grêmio no que diz respeito ao planejamento para 2020. Nesse final de temporada, por exemplo, o setor de criação do time gaúcho sofreu com lesões. Jean Pyerre e Luan acabaram ficando bastante tempo no departamento médico - o camisa 7, inclusive, só deve voltar em 2020 -, o que fez com que Renato Portaluppi estudasse alternativas para a equipe.

Já segue o Grêmio no Instagram? Clique aqui e faça parte da nossa torcida!

Contra o Flamengo, no Maracanã, a estratégia de entrar com três volantes não surtiu efeito. No retorno ao Campeonato Brasileiro, em partida contra o Botafogo, logo mais, às 16h (horário de Brasília), Renato ainda não deve contar com um meia de origem entre os titulares. Por isso a direção do Imortal já se mexe para encontrar possíveis alternativas no mercado. Um nome que agrada ao comandante é Danielzinho, do Fluminense.

Revelado nas categorias de base em Xerém, o armador de 22 anos vem sendo titular absoluto da equipe hoje comandada por Marcão e tem mais assistências do que Paulo Henrique Ganso, por exemplo. Seu contrato expira em dezembro e Danielzinho vê a renovação travada nas Laranjeiras. A diretoria propôs uma extensão do vínculo do meia até dezembro de 2021, porém o estafe do jogador não concorda com os vencimentos ofertados. A tendência é que o presidente Márcio Bittencourt se reúna mais uma vez com a diretoria e o agente do atleta para tentarem alcançar um denominador comum.



Nossa reportagem apurou em parceria com o ​jornalista Joel Silva, setorista do Fluminense no site Lance!, que o Grêmio já fez sondagens por Danielzinho e, no início de novembro, deve formalizar uma proposta caso o Tricolor Carioca não chegue a um acordo com o jogador. Nos bastidores, fala-se que Daniel tem vários meses de salário e direitos de imagem atrasados, o que pode pesar na decisão de se transferir para Porto Alegre ao final do Campeonato Brasileiro. Vale lembrar que o Imortal contratou, no meio do ano, o atacante Luciano, outro que ficou insatisfeito com a crise financeira no Rio de Janeiro e decidiu mudar de ares.



90min