(Foto: Reprodução da Internet)

A pedido de Sampaoli, Santos define plano para trazer reforço; saiba mais

Jorge Sampaoli não esconde - espera mais reforços para o Santos pensando no título do Campeonato Brasileiro. Até a parada para a Copa América, o ​Peixe é o vice-líder com 20 pontos, dois a menos que o Palmeiras (que tem ainda três pontos da vitória contra o Botafogo sub judice). ​Uma das principais carências do elenco praiano é a ala direita, que conta atualmente com Victor Ferraz apenas. Matheus Ribeiro não agradou o treinador argentino e não é opção.

Já segue o Santos no Instagram? Clique aqui e faça parte da nossa torcida!

Um alvo considerável é Rodinei, que perdeu espaço no Flamengo. Com a chegada de Rafinha, ex-Bayern de Munique, à Gávea, a tendência é que o jogador mude de ares para ganhar sequência. De acordo com o ​jornal Lance!, a diretoria santista já estipulou uma estratégia para fisgar o Rubro-negro ou até outro nome para o setor - vender algumas de suas joias nessa janela de transferências.

Após ver Rodrygo deixar a Vila Belmiro rumo ao Real Madrid, o Peixe tem mais nomes sendo observados, como o zagueiro ​Lucas Veríssimo, que interessa a vários clubes da Europa. O "encostado" Bryan Ruiz é um especificamente que o presidente José Carlos Peres torce para vender, já que o costarriquenho não aproveitou as chances com Sampaoli até aqui e vem treinando em horário separado do grupo principal. A janela de transferências de jogadores abre em 1º de julho.



As conversas com o Flamengo sobre a possível vinda de Rodinei, de 27 anos, ainda são iniciais e não há valores definidos. Entretanto vale lembrar que os clubes já protagonizaram trocas ao longo de 2019 - o Peixe vendeu Bruno Henrique e o Flamengo pode ceder jogadores para quitar a quantia que deve - o meio-campista Jean Lucas está emprestado ao time praiano até o fim do ano.



Rodinei se destacou no futebol brasileira pela Ponte Preta e se transferiu para o Flamengo no final de 2015. No Ninho do Urubu, o ala oscilou bons e maus momentos e alternou a posição com o também contestado Pará. O lateral de 28 anos tem contrato com o Flamengo até dezembro de 2022.



90min